Elvis Davantel, Advogado

Elvis Davantel

(49)São Paulo (SP)
7seguidores20seguindo
Entrar em contato

Sobre mim

advogado
Advogado, especialista em Direito Digital com enfase nas áreas do Direito Civil, tanto na área contenciosa, bem como na consultiva, mas precisamente nos seguintes ramos jurídicos: Consumidor, Tecnologia, Constitucional, Trabalhista e nos Contratos de Adesão, em especial nos eletrônicos ou virtuais, voltados para as relações de consumo e empresarial.

Advogado-sócio da Advocacia Camargo Tietzmann e Davantel, fundado há 25 anos, com sede situada em São Paulo.

Principais áreas de atuação

Direito de Internet, 20%
Direito do Consumidor, 16%
Contratos, 16%
Direito Constitucional, 16%
Outras, 32%

Primeira Impressão

(49)
(49)

49 avaliações ao primeiro contato

Direito Civil

Direito Internacional

Direito Penal

Direito de Família

Direito de Internet

Trânsito

Mais avaliações

Comentários

(59)
Elvis Davantel, Advogado
Elvis Davantel
Comentário · há 10 meses
As criticas tecidas pelo artigo não possuem muita coerência. Que aqueles que se sentiram lesados pela brincadeira decorrente do programa, possam e podem buscar sua devida reparação na justiça, isso se não concordaram em divulgar sua imagem, pois, caso quisessem processar depois de autorizarem o uso de sua imagem, tal conduta seria uma notória má fé. Depois, foi falado a respeito de uma morte decorrente da realização de um programa tradicional, ora, fatalidades ocorrem em todas a circunstâncias da vida, assim, como a vida da mulher não pode ser restabelecida, o judiciário deveria (embora não faça) indenizar com equidade, mas, esse é outro problema, a falta de respeito na aplicação do dano moral, que no Brasil é ridicularizado! Retornando ao presente artigo, também fez menção de pessoas que imitavam esses programas e realizaram "pegadinhas" de modo irresponsável, fato que, em alguns casos ocasionou mortes ou consequências sérias às vítimas. Mais uma vez a analogia feita, não merece respeito, haja vista, que um programa ou produtor não pode ser responsabilizado por ações irresponsáveis de terceiros, caso fosse assim, a indústria do entretenimento, sobretudo o cinema acabaria!!
Por fim, ressaltou que falta o bom senso em nossa sociedade convergente, tanto por parte de produtores ou responsáveis que não pensam nas consequências nefastas que podem acontecer a algumas pessoas mais vulneráveis (como idosos e crianças), bem como falta o mesmo bom senso daqueles que criticam "sem pensar" corretamente!

Perfis que segue

(20)
Carregando

Seguidores

(7)
Carregando

Tópicos de interesse

(21)
Carregando
Novo no Jusbrasil?
Ative gratuitamente seu perfil e junte-se a pessoas que querem entender seus direitos e deveres

Outros advogados em São Paulo (SP)

Carregando

ANÚNCIO PATROCINADO

Elvis Davantel

AVENIDA BRIGADEIRO FARIA LIMA ,1572 - São Paulo (SP) - 01452-001

(11) 3815-28...Ver telefone

(11) 98994-45...Ver telefone

Entrar em contato